Dezesseis Preceitos para Adquirir o Tesouro da Ciência por São Tomás de Aquino






Por que me pedistes João, irmão caríssimo em Cristo, o que seria necessário estudar, para adquirir o tesouro da ciência, pareceu-me oportuno dar-te tais conselhos:

1. Que elejas, pois, introduzir-te, primeiramente, nas águas dos rios que nas do mar, pois deves eleger começar, a partir das coisas mais fáceis e não das mais difíceis. Portanto, esta é a minha advertência e a tua instrução;

2. Que não te apresses em julgar, nem em pronunciar-te sobre algo;

3. Que estimes a pureza de consciência;

4. Que não deixes de ocupar-te da oração.

5. Que ames frequentar tua cela, se queres ser conduzido à adega do vinho da sabedoria;

6. Que sejas amável com todos;

7. Que não perguntes excessivamente nada sobre as obras alheias;

8. Que não te mostres excessivamente familiar a ninguém, pois a excessiva familiaridade produz o desprezo e a subtração do tempo necessário ao estudo;

9. Que não te intrometas, de nenhuma maneira, em discussões e acontecimentos profanos;

10. Que evites, deste modo, a discussão sobre qualquer assunto;

11. Que não deixes de imitar os exemplos dos santos e dos bons;

12. Que não atentes a quem disse, mas ao que de bom se diga, guardando-o na memória;

13. Que procures entender o que lês de ouves;

14. Que te certifiques das dúvidas;

15. Que te esforces por abastecer o depósito de tua mente, como o ávido que se atira a saciar-se;

16. Que não questiones as coisas que estejam além de teu alcance.

Se tu seguires estes conselhos, poderás gerar frondosas folhas e frutos na vinha dos exércitos do Senhor. E enquanto tu viveres, produzirás e proliferarás. Se tu o seguires, pois poderás atingir aquilo a que aspiras.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.